O sol, a lua e as estrelas são sinais para nós como crentes para separar o dia da noite, e deixá-los servir como sinais para marcar tempos sagrados, dias e anos (Gênesis 1:14). Hoje, 13 de Adar (9 de março), os sinais no céu durante este Moed são muito reveladores. A lua cheia no céu noturno é considerada não apenas qualquer lua cheia, mas na verdade é considerada uma Superlua, pois é uma das órbitas mais próximas da Terra e, portanto, uma das mais brilhantes. Esta Superlua em particular é ainda mais especial para todos os judeus em todo o mundo. O dia 13 de Adar marca o dia exato em que o comando e o decreto do rei para matar todos os judeus do Império Persa foi revertido a mando da rainha Ester e liberado para todas as províncias do Império para que os judeus se defendessem contra todos que odiavam eles (Ester 9:1). Isso resultou em vitória absoluta para os judeus em vez de luto. Esta Superlua, ou Lua de Purim, ficará no céu por três dias com a celebração de Purim que dura de 13 a 15 de Adar, terminando quando a Superlua começar a minguar. É o início de um novo ciclo e um novo começo da estação natural e profética para a qual estamos nos movendo. Nos céus, uma Superlua cresce e simultaneamente Saturno, Júpiter e Marte se alinham, e na natureza a primavera está chegando. Tanto em nossas vidas naturais quanto nesta nova época profética, é um tempo de alinhamentos e a reversão da tragédia e infortúnio para a vitória para a glória de Deus. Hoje é o dia dos céus abertos para declarar sua vitória sobre seus inimigos em nome de Yeshua! Que esta Superlua de Purim seja um sinal seguro não apenas de uma nova temporada, mas de um novo ciclo de vitória e conquista como foi e é para o povo judeu. O tempo do jejum acabou e o tempo da festa começou. Hag Sameah Purim!


inscreva-se em nossa lista de e-mails e Atualizações

Assine

Comente e dê-nos seu feedback

Todos os direitos reservados

pt_BRPT